Símbolos heráldicos

A Assembleia de Freguesia de Chão de Couce, reunida extraordinariamente no dia 29 de Dezembro de 1997, aprovou, por proposta de Executivo da Junta de Freguesia, ao tempo presidido por Mário Maria de Carvalho, o Parecer da Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses, datado de 22 de Outubro de 1997, sobre o Brasão, Bandeira e o Selo da Freguesia.
 
O Diário da República, n.º 36, de 12 de Fevereiro de 1998, III Série (p.3.404), publicou a descrição daqueles três símbolos: heráldicos, cujo teor é o seguinte:
BRASÃO - escudo de ouro, castanheiro arrancado de verde e frutado de prata, entre uma paleta de pintor de vermelho, com pincel de sua cor, em chefe, e um monte de três cômoros de verde, em campanha. Coroa mural de prata de quatro torres (característica das vilas). Listel branco, com legenda a negro: "CHÃO DE COUCE".
BANDEIRA - esquartelada de verde e amarelo. Cordão e borlas de ouro e verde. Haste e lança de ouro.
SELO - nos termos da lei, com a legenda: 'Junta de Freguesia de Chão de Couce - Ansião".
 
Significação e Simbologia
“A coroa mural de quatro torres simboliza o concelho de Chão de Couce, que durou quase três séculos e meio (1514 a 1h55); os três montes são uma referência à parte acidentada da Freguesia a «Serra Mouta da Bela, a «Serra da Nexebra> e a «Serra da Mata»; a paleta e o pincel recordam o Mestre José Malhoa, que passou largas temporadas na Quinta de Cima, e ofereceu a sua última grande obra à Igreja Matriz de Chão de Couce – o Retábulo de Nossa Senhora da Consolação. O castanheiro representa o famoso souto da Quinta de Cima.
 
Feita a interpretação histórica dos elementos pictóricos, passemos à simbologia em heráldica das cores utilizadas no Brasa:
O ouro do escudo significa poder, nobreza, tradições gloriosas, magnanimidade, justiça e fidelidade. A prata da coroa e dos frutos do castanheiro significa humildade, riqueza, beleza, franqueza e eloquência. O verde dos montes e do castanheiro significa esperança, fé e liberdade, o vermelho da paleta significa valentia e generosidade. O azul do pincel significa zelo, lealdade e galhardia."